Saiba mais
Idioma
Menu
Menu
Idioma

Amcor espera crescer globalmente no mercado de embalagens após aquisição da americana Bemis

25 ABR 2019 - 00H00 | ATUALIZADA EM 25 ABR 2019 - 12H24

Abril, 2019

A coluna mensal ‘Conversa de Mercado’ tem como objetivo trazer os mais recentes investimentos e movimentações do setor, aumentando o conhecimento sobre os concorrentes, especulações de mercado e ações das principais companhias.

Este mês, apresentamos Mauro Cesar Rodrigues, diretor da Amcor. A empresa, que atua no ramo de embalagens, possui soluções para os mercados cosmético e farmacêutico como, Blister, Formpack Alu Alu, Sachet e Strip Pack. Com foco na América Latina, a empresa espera expandir ainda mais sua atuação após concluir a aquisição da americana Bemis.

Mauro Cesar Rodrigues


O executivo é formado em Bach em Química pelo Centro Universitário Fundação Santo André, pós-graduado em Engenharia de Embalagens pelo Instituto Mauá, em São Caetano e possui MBA em Gestão de Negócios pela Fundação Dom Cabral. Atua no ramo de embalagens farmacêuticas há mais de 30 anos.

Entrevista

Quais expectativas para esse ano? Quanto esperam de crescimento em 2019?
O ano de 2019 ainda se mostra instável, porém, a Amcor investe e confia na boa qualidade, em produtos inovadores e em bons serviços aos clientes. Com isso, esperamos um crescimento em dois dígitos.

Quais soluções de embalagens vocês oferecem para a indústria cosmética e farmacêutica?
A Amcor possui em seu portfólio de produtos, soluções para as linhas convencionais e as de altíssima performance dos setores Farmacêutico e Cosmético, tais como, Blister, Formpack Alu Alu, Sachet e Strip Pack. Buscamos sempre desenvolver embalagens que possam oferecer proteção e conveniência ao consumidor e que atendam aos requisitos das normas e das legislações vigentes.

Quais são as últimas tendências em embalagem? O que vale ficar de olho?
Vale ficar junto com a Amcor, de olhos e ouvidos abertos para identificarmos juntos as tendências, necessidades e oportunidades. Atualmente a Amcor dispõe de soluções de embalagens anti-falsificação, embalagens Child Proof, e atua no fornecimento e aperfeiçoamento de embalagens com agentes dessecantes, algo totalmente inovador no mercado brasileiro. A Amcor também iniciou desde 2018 o Amcor Pledge, projeto onde nos comprometemos a desenvolver embalagens recicláveis e reutilizáveis até 2025.

Como classificam o mercado brasileiro de embalagem? O que podemos avançar?
O mercado brasileiro de embalagens está em franco crescimento, e precisamos avançar com o desenvolvimento de novas tecnologias e novas formas de interação das embalagens com a sociedade.

O que esperam do setor cosmético esse ano?
Esperamos ter maior participação neste mercado, com introdução de novas embalagens de maior tecnologia e mais sustentáveis.

Fizeram algum investimento recente, como abertura de fábricas ou escritórios?
A Amcor está focada em crescer globalmente e especialmente na América Latina, e com esse objetivo, está em processo de aquisição global da americana Bemis, que deverá ser concluído em meados de maio.

A Amcor é uma empresa global, qual a representatividade do Brasil nesse sentido?
A Amcor atua no Brasil e com a referida aquisição, estará mais fortemente representada e presente nos diversos segmentos de mercado.

Por que decidiram investir no Brasil? Qual nosso diferencial de mercado?
Brasil tem potencial enorme, é um país maravilhoso e cheio de oportunidades. O maior diferencial da Amcor é oferecer serviços, alta tecnologia e inovações com estruturas de alta performance. Com a vantagem de presença Global, termos estruturas padronizadas com as melhores performances para cada aplicação. Temos centros de Excelências de Investigações e Centros de Excelência em Inovação, com o objetivo de agilizar os desenvolvimentos para que cheguem aos clientes as melhores soluções.